Itaúna está entre as cidades mais rápidas para abrir uma empresa

Ranking da Jucemg mostra que empresários atingem objetivo em pouco mais de 24 horas

Publicado em: 05/12/2019, 21:17
Compartilhe!

Empresários que se preparam para abertura de novos negócios enfrentam recorrentes empecilhos, dentre eles, a demora do tempo para liberação das operações. Fatores desta natureza e legislações muito burocráticas acabam por desestimular o surgimento de novas empresas, mantendo assim níveis elevados de desemprego como registrados atualmente. Levantamento recente divulgado pela Junta Comercial de Minas Gerais (Jucemg) coloca Itaúna como uma das cidades mais ágeis do Estado na redução desta espera: 1 dia 1 hora 50 minutos. Somente em outubro, por exemplo, foram 35 novos investimentos liberados.

Para o Secretário de Finanças, Warlei Eustáquio, “só temos a ganhar com isso. Facilitando a vida do empresário, várias empresas tendem a se instalar na cidade. Isto refletirá diretamente na economia local, gerando mais empregos e renda, movimentando o comércio e a vida social da cidade, nossas escolas técnicas e profissionalizantes ganham mais destaque com mão-de-obra qualificada, enfim, acaba por atrair outros investimentos, dentre outros benefícios. Conta a favor também a participação da Prefeitura e das entidades representativas de classe no apoio e desenvolvimento das empresas de forma geral”, revela.

Prefeitura Municipal de Itaúna

Compartilhe!
Leia mais em Itaúna e Região
Siga-nos