Itaúna ganhará em breve novo empreendimento habitacional popular

Serão 80 novos apartamentos inicialmente e 208 no total do projeto. Investimento da primeira fase ultrapassará 7 milhões de reais

Publicado em: 29/10/2019, 21:25
Compartilhe!

Os trâmites legais para construção de um novo empreendimento habitacional popular na cidade estão avançados. A Cohab Minas (Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais) abriu edital para contratar a empresa que ficará responsável pela construção de 80 novos apartamentos (subdivididos em cinco blocos). As novas moradias estarão localizadas em um terreno doado e preparado pela Prefeitura de Itaúna no bairro Santa Edwiges, em frente à creche. As inscrições e os requisitos serão informados posteriormente pela Secretaria de Desenvolvimento Social. Este novo projeto receberá subsídios do programa “Minha Casa, Minha Vida”, contemplando beneficiários com renda familiar a partir de R$ 1.500,00 (mil e quinhentos) reais.

Diferente dos financiamentos comuns, oferecidos por bancos ou imobiliárias, os contemplados não precisarão oferecer uma entrada em dinheiro no ato de aquisição do imóvel. O valor estimado para este novo empreendimento é de R$ 7.344.458,67 (sete milhões, trezentos e quarenta e quatro mil, quatrocentos e cinquenta e oito reais e sessenta e sete centavos). Esta é apenas a primeira etapa (total de três) de um plano iniciado em 2017 e que prevê a construção de 208 novas residências no município. As fases restantes serão desenvolvidas oportunamente.

 

Responsabilidades

A Prefeitura foi a responsável pela escolha, preparação (demarcação, projeto topográfico, etc) e doação do terreno onde será erguido o novo empreendimento. A Cohab atua como agente promotor gerenciador do projeto, contratando, via edital, a empresa que construirá as novas moradias. A data para apresentação das propostas finais de preço referente à Itaúna será 18/11. A Caixa Econômica Federal avaliará a vencedora da licitação, tendo prazo de 15 a 30 dias para aprovação. O banco entra como agente financeiro do projeto e como financiadora aos futuros beneficiários. Após dada a ordem de serviços, a construtora terá 420 dias (aproximadamente 14 meses) para entrega do novo conjunto habitacional.

Prefeitura Municipal de Itaúna

Compartilhe!
Leia mais em Itaúna e Região
Siga-nos